A segunda temporada de Amor Ocasional(Plan Coeur) série francesa da Netflix traz uma Elsa (Zita Hanrot) um pouco mais madura, mas ainda conflitante em assumir suas decisões e dependente da aprovação de suas amigas.

Elza nessa temporada decide seguir seu romance com Jules(Marc Ruchmann)escondia das amigas e fingindo que estava morando na Argentina , tudo parecia perfeito, até ela decide voltar para realidade e manter o romance e as amizades se torna uma verdadeiro tormento.

Enquanto Elza está levemente mais maduras, parece que suas amigas seguem imaturas  e
tentando resolver os problemas da amiga, para esconderem os seus, Agora mãe Emille(Joséphine Drai) segue sendo megera e
Charlotte (Sabrina Ouazani)segue sem muita habilidade para responsabilidades.

Jules acaba se tornado o ponto alto dessa temporada, o antigo garoto de programa se torna um execelente namorado e se esforça para seguir um novo caminho
na vida, mesmo com as facilidades da vida antiga voltando para atormenta-lo vez ou outra.

Mesmo o final da primeira temporada tendo deixando o espectador com a curiosidade para saber o quê aconteceu com Jules e Elza a segunda temporada se mostrou desnecessária.

Já depois de revelado o quê aconteceu com eles, tudo que veio depois parece uma repetição de fatos da temporada anterior. a Elza atrapalhada, as amigas entrometidas que querem comandar a vida amorosa dela, o ex que não aceita vê-la com outro e tenta recuperar o controle sobre ela, além de faltar um pouco da leveza que a primeira temporada teve, essa temporada nós traz mais raiva com as atitudes dos personagem do quê divertimento. 

Assista ao trailer: 

Sinopse:

Do seu grupo de amigos Elsa (Zita Hanrot) é a única que permanece perpetuamente solteira. Como não conseguem descobrir o motivo pelo qual ela é tão infeliz no amor, a turma se empenha em ajudar a amiga e decide contratar um acompanhante masculino para renovar a fé de Elsa em relacionamentos.

Leia também