Deku e All Might recebem um convite para a I-Expo, a principal exposição mundial de habilidades e inovações de itens de heróis! Em meio à empolgação, patrocinadores e profissionais de todos os cantos, Deku conhece Melissa, uma garota que não tem habilidades como ele fora uma vez. De repente, o sistema de segurança top-of-the-line da I-Expo é invadido por vilões, e um plano sinistro é acionado. É uma séria ameaça à heroísmo da sociedade, e um homem detém a chave para tudo isso – o símbolo da paz, All Might.

Como sempre Boku no Hero nos traz uma história divertida e cheia de ação, para quem acompanha o anime o filme segue a mesma linha dos episódios.

O traço do filme é muito bom, com animações bem-feitas, tanto de batalhas e de cenas mais estáticas.

O roteiro achei um pouco travado no começo, mas no final entrega um filme bom, como estamos acostumados com o anime de tempo mais curto o filme demorou um pouco a engatar. Outro ponto negativo foi a aparição dos personagens, achei um pouco forçado como eles são inseridos na trama e alguns nem são utilizados no decorrer do filme.

Um dos pontos mais positivos do filme é ele ser Canônico e nos entregar um pouco do passado de All Might (um dos melhores personagens do anime).

Recomendo muito se você acompanha Boku No Hero Academia, principalmente para saber mais sobre o passado de All Might. É um filme que começa meio engasgado, mas que no final amadurece e nos entrega um episódio de qualidade.

Ps: Um boa notícia o filme será exibido nos cinemas brasileiros, fique ligados aqui no Uai nerd para mais detalhes.

Leia também