Frozen 2 – crítica

0
39

Em Frozen reino de Arendelle está finalmente em paz, mas um chamado oculto de uma voz coloca Elza (Idina Menzel), Anna (Kristen Bell), Olaf (Josh Gad) e Kristoff (Jonathan Groff) numa aventura em busca do seu significado e por consequência acabam descobrindo uma história que eles achavam que fosse apenas um conto de fadas.


Na nova aventura vemos a forte ligação que Anna e Elza tem uma com a outra e como essa ligação ficou forte ao longo do tempo, Olaf como sempre está super fofo e com a dublagem brasileira de Fábio Porchat ele fica muito mais legal, percebi que nesse longa nosso querido boneco de neve teve uma participação maior do que no longa anterior e ressalto que ele está muito mais engraçado, Krtistoff e sua rena Sven completam o elenco e ressalto que as melhores partes são suas cenas querendo pedir a mão de Anna em casamento.

Porém Frozen 2 não é apenas isso, nesse longa temos mais informações sobre os pais das princesas e o motivo de Elza ter poderes e qual a origem deles. Por se tratar de um filme de animação de princesa da Disney o que não podia faltar eram as canções, creio que mais ou menos 10 a 11 músicas diferentes, mas na minha opinião não tiveram tanto impacto igual ao primeiro filme, principalmente a música Into the Unknown que devia ser a grande música do filme não teve o impacto de Let it Go.


Uma coisa que definitivamente não posso reclamar são efeitos especiais do filme, simplesmente maravilhosos, encantadores praticamente um espetáculo para ser visto, literalmente é um prazer assistir aos longas de animação da Disney, pois os efeitos especiais beiram a quase perfeição.

Outra coisa que chamou a minha atenção no longa foi o fato de não apresentar um príncipe, temos Kristoff, mas ele não é um príncipe ainda. O que temos são uma animação com duas mulheres protagonistas que resolvem seus problemas sozinhas sem ajuda, o que faz com vejamos que a Disney quer mostrar o seu discurso de empoderamento feminino atraindo e formando a opinião de um novo público. Se em Branca de Neve, o príncipe salvava o dia, nos novos filmes Disney as princesas são as verdadeiras heroínas de suas histórias.


Frozen 2 é muito bom pela proposta apresentada, uma continuação de um filme de sucesso para crianças, contudo na minha opinião caí um pouco a credibilidade, não estou falando que esse longa seja um Retorno de Jafar, mas beira a um Mulan 2. Eu gostei mais do primeiro, mas tenho certeza que o filme será um sucesso de bilheteria se já não está sendo.
NOTA: 4,0/5,0

Que tal compartilhar conosco sua opinião?