The Morning Show- Primeira temporada(Crítica)

Há muitos anos, Alex Levy (Jennifer Aniston) é a diretora do The Morning Show, um programa de TV matinal de prestígio que parece ter revolucionado a televisão americana. Quando Mitch Kessler (Steve Carell), seu parceiro de trabalho há 15 anos, é demitido por ser acusado de má conduta sexual, a jornalista se esforça para manter seu emprego como âncora principal, enquanto trava uma batalha contra Bradley Jackson (Reese Witherspoon), uma novata que quer roubar seu lugar.

Uma das melhore series de 2019.
Eu gostei muito de The Morning Show, principalmente pelos seus personagens, os produtores conseguiram desenvolvera-los tão bem que você se apega a eles de maneira indescritível.


Acho bastante legal acompanhar bastidores de Tv, e fico pensando, será que isso é verdade, será que acontece na vida real. E a resposta mais certeira é, com certeza, afinal a aparência é o que vale, e The Morning Show bate o tempo todo nisso, todos vivem de aparências.

Jennifer Aniston e Reese Witherspoon estão perfeitas na série, atuações impecáveis, a Apple acertou na loteria em conseguir essas duas para o papel.


Mesmo com uma história super simples, mostrar os bastidores de um programa matinal e a vida das pessoas que fazem parte dele, The Morning Show consegue de forma fenomenal, você fica ali torcendo, se emocionando, com ódio por aquelas pessoas, você fica louco para ver como elas vão apresentar o Morning Show depois de todo o drama.


Muitos dizem que a série é uma novela e sabe o que penso, quem dera se toda novela tivesse essa qualidade, não importa se é novela ou série, mas sim que é bem feita e um ótimo entretenimento.

Nota 4,9 de 5,0

Que tal compartilhar conosco sua opinião?